Contato

+55 (11) 3747-9222

E-Mail

Compartilhe ››

Pesquisa: Literatura Brasileira de Expressão Alemã

Pesquisa: Literatura Brasileira de Expressão Alemã > Início > 2006

Projeto de Pesquisa:

Literatura Brasileira de Expressão Alemã

 

Projeto do grupo de pesquisa RELLIBRA (Relações Linguísticas e Literárias Brasil-Países de língua alemã). www.rellibra.com.br

Credenciado na USP e no CNPq
 

Universidade de São Paulo - USP

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humans - FFLCH

Departamento de Letras Modernas - DLM

Programa de Pós-Graduação em Língua e Literatura Alemã

Coordenação Geral: Profa. Dra. Celeste Ribeiro de Sousa

 

 

Apresentação do projeto

 

A biblioteca e o arquivo do Instituto Martius-Staden em São Paulo contêm uma das maiores coleções de documentos sobre a imigração alemã no país. Entre esses documentos, sobressaem também as produções literárias criadas no Brasil em língua alemã: poesia, teatro e prosa (romances, novelas, contos). A par de brochuras, publicadas por várias editoras, há inúmeros textos (poemas, contos, narrativas curtas) que apareceram em jornais e “anuários” ou almanaques, grande parte dos quais integra o acervo histórico do Instituto Martius-Staden.

 

 

 

O objetivo desta pesquisa coletiva é recuperar, por autor, esta produção literária dispersa e, através da internet, colocá-la ao alcance dos leitores e pesquisadores interessados.

 

Além dos textos originais em língua alemã, há outras ‘páginas’/capítulos em língua portuguesa: ‘Dados biobibliográficos do autor’; ‘Resumos comentados’; pelo menos uma ‘Tradução’ e ‘Bibliografia crítica’. Afinal, este tipo de literatura pode alimentar pesquisas de vários matizes, além de poder ser compreendida como “literatura pós-colonial brasileira”, a qual, por causa da barreira da língua em que está publicada, entre outros, tem sido, por assim dizer, até hoje silenciada.

 

Saiba mais:

 

Goethe im Urwald. In: http://community.zeit.de/user/goethebrasil/beitrag/2009/05/18/goethe-im-urwald.

 

HAAG, Carlos. Tema brasileiro, sotaque alemão. In: Revista Ciência e Tecnologia no Brasil.

Pesquisa FAPESP nº 167. São Paulo, janeiro de 2010, p. 85-89.

In: http://revistapesquisa.fapesp.br/wp-content/uploads/2012/09/085-089-167.pdf.

 

          SOUSA, Celeste Ribeiro de. Literatura brasileira de expressão alemã. In: Sibila. Poesia e crítica literária.

          São Paulo, 12 dez. de 2009. In:    

          http://sibila.com.br/mapa-da-lingua/literatura-brasileira-de-expressao-alema/3295.

 

          SOUSA, Celeste Ribeiro de. Uma narrativa safa em tempos de censura. Da literatura da imigração alemã.

          In: Sibila. Poesia e crítica literária. São Paulo, 1 abr. de 2013.

          http://sibila.com.br/mapa-da-lingua/uma-narrativa-safa-em-epoca-de-censura/9374.

 

         SOUSA, Celeste Ribeiro de. A literatura brasileira de expressão alemã e a crítica. In:   Pandaemonium

         Germanicum. São Paulo, v. 19, n.28, set.-out. 2016, p. 45-73. Disponível

         in: >http://www.revistas.usp.br/pg/article/view/119171/116546<.

 


Plano Geral da Pesquisa

 

I Parte: Introdução

Método

Apoio teórico

Fontes bibliográficas


II Parte: Recuperação de autores e de textos

- Imigrantes e descendentes
- O caso dos exilados
- O caso dos viajantes


III Parte: Redação de uma história da literatura brasileira de expressão alemã ou da literatura da imigração alemã no Brasil, com os enfoques seguintes:

- 1ª geração: imigrantes a partir de 1824.
- 2ª geração: filhos de imigrantes. Imigrantes contemporâneos.
- 3ª geração: netos de imigrantes. Imigrantes contemporâneos.
 

 

Pesquisadores participantes

Alceu João Gregory
Ana Julia Mazotti
Celeste H. M. Ribeiro de Sousa
Cristina Alberts Franco
Elke Dislich
Gerson Roberto Neumann
Imgart Grützmann
Ingrid Ani Assmann
Jael Glauce da Fonseca
Jefferson André de Jesus Corredor

José Luís Félix

Karola Zimber
Luana de Julio de Camargo
Maria António Hörster
Marlen Eckl
Marlene Holzhausen
Patrícia da Silva Santos
Priscilla Lopes d’ El Rei
Rodrigo Botelho
Thomas Keil
Ruth Bohunovsky
Valburga Huber

 

O grupo está aberto a todos os pesquisadores interessados, inclusive a candidatos a Iniciação Científica, a Mestrado e a Doutorado. Basta contatar a Profa. Dra. Celeste Ribeiro de Sousa: celeste@usp.br.
 

 



Entre em contato